25/11/2019

Precisamos falar sobre responsabilidade afetiva


Instagram ♥ Facebook ♥ Pinterest ♥ We heart it ♥ Twitter 

Até que ponto suas emoções devem ser controladas por outra pessoa? Você já parou pra pensar que em alguns casos a sua fraqueza é motivo de aproveitamento alheio? Isso mesmo! Não é ruim você amar alguém, assim como não é ruim depositar esse amor com intensidade, aliás, vamos ser intensos, se é pra dizer que ama podemos colocar intensidade em tudo isso sim. O problema surge quando essa pessoa tira proveito da situação para massagear seu próprio ego e isso te fere, te incomoda, te deixa ansioso, te deixa triste, tira tua saúde mental.

Será que realmente vale a pena tudo isso? Sabe quando você conta pra alguém que gosta dessa pessoa e meio que fica um clima estranho? Você meio que deixa passar pois você gosta, mas é nesse exato momento, o instante em que se sente que não ficou tudo a mesma coisa que devemos recuar e deixar as coisas se concertarem por si só, não forçar a barra sabe? A gente quer tanto ser ouvido, quer tanto ser a idealização do que seria maravilhoso na visão daquela pessoa que esquecemos de nós mesmos. Mas calma, ser uma pessoa que se entrega assim não tem nada de errado!

Errado é esse alguém buscar através do seu amor uma forma de te ferir e deixar a situação sempre positiva para o próprio lado. Se você sabe que existe alguém que gosta de você respeite isso, você não sabe o quão duro foi expressar aquelas palavras, o medo de perder a amizade e de deixar o clima chato para ambas as partes. Não faça aquele ciuminho bobo para que a pessoa se sinta incomodado, não fique pedindo favores sabendo que a pessoa nunca vai te negar nada, não expresse em tom alto ou no meio de uma roda de amigos que essa pessoa gosta de você só pra você saber internamente que é desejado por alguém, e o pior de todos, nunca dê um fio de esperança possível. Não seja babaca, seja ser humano e entenda que maturidade é necessário.

Responsabilidade afetiva é você saber que existe alguém por você, mas que você não tira proveito disso de nenhuma forma. O ideal seria uma conversa entre as duas partes onde são expostos todos os pensamentos possíveis de alguma chance entre os dois ou que não é agora e nem nunca que vai acontecer. Na real, o ideal seria deixar claro que não podem ou que podem ter algum tipo de relação além da amizade, é nesse tipo de nível de maturidade, a conversa, que observamos se realmente vale a pena lutar por esse alguém.

Leia também: Um ensaio sobre o tempo.

Você também não precisa desmerecer o sentimento alheio só porque não sabe o que fazer diante dessa revelação. Palavras machucam e usar a sua confusão mental naquele momento para dizer coisas que colocam aquele sentimento de forma tosca ou como sendo uma bobagem, é a forma mais infantil de dizer que não sabe o que falar. Na realidade eu tenho uma teoria sobre isso: eu acho que pessoas que tiram proveito dessas situações na verdade sentem a necessidade disso através da solidão, ou seja, são pessoas que não estão totalmente satisfeitas consigo mesmas e desejam ser observados com outros olhos por outras pessoas para sentirem que eles são um alguém atraente. Isso se cura quando você dá uma chance de provar a si mesmo o quanto você mesmo é incrível, quando superamos os nossos próprios limites. Amor-próprio.

Seja alguém que entenda a situação, que mostre que a pessoa não precisa contrair uma ansiedade por conta de uma falta de maturidade sua. Seja a pessoa que mesmo vocês não tendo nenhuma chance possível, abraça, e diz nos olhos que vai ficar tudo bem e que a amizade vai ser sempre a mesma. Ah! E que faça de tudo para que realmente dure, esforço quando é visualizado é sempre mais acolhedor. Seja a pessoa que defende, seja a pessoa que ao saber dessa responsabilidade com o outro entenda a sua fragilidade e seu ponto fraco.

E para você que sente algo por alguém e não sabe como falar, pensa primeiro se seria bom pra você falar isso, se sim, pode ir na fé. Se não for, deixa pra lá, não pela situação, mas por você e pela sua saúde mental, existem várias outras pessoas no mundo e você pode encontrar alguém que será com toda certeza o amor para sua vida. E repare bem em dois pontos por gentileza: se você chegar ao ponto de dizer que ama alguém, as próximas palavras dessa pessoa depois de receber a notícia pode definir se vale a pena ou não você fazer isso, e quem sabe até manter a amizade, ou não. E por ultimo: não se iluda, não é não lembra? Isso funciona aqui também, parte pra outra, foca em outros pontos e segue a vida normalmente, nada de ficar triste! ♥

Instagram ♥ Facebook ♥ Pinterest ♥ We heart it ♥ Twitter

2 comentários:

  1. É muito ruim quando você gosta de alguém e não é recíproco, pior ainda é quando a pessoa apenas gosta de saber que alguém sente algo por ela, e isso vira uma ferramenta para aumentar o ego.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é sem dúvida uma das piores sensações do mundo. Pior ainda mais quando quem vê é de fora e não a pessoa em si, daí os amigos tetam mostrar e você não consegue reparar na situação.

      Excluir

© Adeeh Mello Blog - 2020. Todos os direitos reservados. Criado por: Adeilson Mello. Me siga no Instagram @adeehmello.